Número total de visualizações de página

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

Condução da vida

Condução da vida

Acordo em mim próprio e olho em volta o ar simpático.
Levanto-me e entro jardim dentro, estou feliz, sinto-me modelo desta violação que me faço!
Amo!
O que me importa é o improviso lá fora, correm os meus olhos em imaginação, correm os membros, pés e mãos com objetivo!
Agarrar depois de acordar, todas as flores que aromatizam esta minha grandiosa sensação de um ser sagrado!
Um ser vivo que se confessa na simbiose, com cada elemento que sente.
O além é azul que respiro, é vermelho que me aquece, é verde na esperança, amarelo na beleza, branco na suavidade e negro no desconhecido que procuro conhecer!
Acordo na simplicidade que me reveste, que me isola humildemente e me faz crescer.
Adormeço em mim próprio e olho em volta o ar simpático dos sonhos!


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.