Número total de visualizações de página

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Uma lágrima numa rosa, um pedido

Uma lágrima, numa rosa, um pedido

Uma lágrima caiu
e o amor estremeceu
Quando pediu a esperança
A uma luz lá do céu
E esta vestida de vento, amou e sorriu

E com os lábios,
pediu à lembrança
Uma chuva de amor
Um beijo e um carinho teu
E a lágrima caiu, abraçando
de flor em flor

E uma rosa vermelha
Que a um cravo se assemelha
Na beleza e na cor
Recebeu gota a gota
toda a candura do amor

Outra lágrima caiu
E quando no chão se viu
Pediu ao mundo a vida
E a luz da bondade
Deu-lhe a bênção pedida
Deu-lhe amor, muito amor em liberdade

Essa lágrima que caiu
Pediu ao mundo compreensão
E a luz chegou-nos aos olhos
Como lágrimas aos molhos
Pedindo a paz e a união


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.