Número total de visualizações de página

sábado, 28 de dezembro de 2013

Mais um ano aí vem...

Mais um ano aí vem…

Ano Novo
Ano desejado
Ano do povo
Roubado
Pelo Ano passado

Ano Novo
Ano esperado
Galinha sem ovo
Galo depenado
Pelo Ano passado

Ano Novo
Ano desconhecido
Vestido de negro corvo
Mas apetecido
Pelo Ano passado
Num povo em castigo

Ano Novo
Ano que me envelhece
Ano que já absorvo
Talvez um Ano que me apetece
Para sair à rua com o povo
Para pedir…
Um Ano Novo

Mas que seja Novo
Porque velho
Ou igual
Melhor não festejar…
O povo
Esse povo de sangue vermelho
Um povo sem mal
Se fartou de pagar

E se o Ano que vem
Nada traz e nada tem
Que nos deixe em paz
Na paz de um povo
Que já nada tem
Somente um Ano Novo


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.