Número total de visualizações de página

segunda-feira, 18 de março de 2013

Respiras amor


Respiras amor

Basta respirares
E eu não seguro o meu coração
Talvez por tu não estares
No ajoelhar da minha oração
Uma prece ou um pedido
Um desejo ou a razão
Mas…

Basta respirares

Porque não preciso sentir o teu gemido
Para sentir a mais bela sensação
Um perfume por mim sentido
Fragrâncias tuas pelos ares
Porque te amo…
Sem me contares

Basta respirares

E sinto o perfume da tua vontade
O teu silêncio é a recusa de um não
Mas a tua respiração,
é nela que sinto a verdade
Porque nem tu seguras o teu coração

Basta respirares

E o sonho é a luz do teu olhar
És pólen de ouro na candura de uma flor
És o meu cristal que ilumina para te amar
Porque olhas, sorris e respiras amor

José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.