Número total de visualizações de página

quarta-feira, 20 de março de 2013

Como se fossemos um só


Como se fossemos um só

O teu olhar… Um mar
Todos os dias sinto vontade de beijar
Eu sinto, quando me deito
Eu sinto ao levantar
Uma luz que me abraça e me aperta no peito
Uma musa de translúcido luar

O teu olhar… Um mar

Maresia que todos os dias me sente
Eu também sinto, quando caminho
Eu também sinto dentro da mente
Uma diva que me ama devagarinho
Nas ondas do seu respirar… Suavemente

O mar… O teu olhar… Meu amar

Tu…
Um corpo desejado
Um corpo nu
Pelas minhas fragrâncias molhado
Suores de amor… Corpos a bailar

O teu olhar… Um mar

Um mar que me fascina imenso
Mão na anca… Abraçando as ondas,
acaricio, amo… Dou o nó
Tu… Meu mar de desejos,
só em ti penso
Como se fossemos um só

José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.