Número total de visualizações de página

sexta-feira, 1 de março de 2013

As diferenças


As diferenças


Pensas que te vou esquecer?
Nunca... Trago pedras debaixo dos pés
Trago pregos espetados na mão
Levo lágrimas na face a escorrer
Tristeza em mim, por tudo que és
Pensas que não sinto o meu coração?
Sempre... Trago no sangue um olhar
Levo nos olhos a tua luz
Tristeza em mim, pelo esperar
Uma dor em oração... Meu Jesus

Pensas que te vou deixar?
Nunca... Trago um sentimento que me segura
Levo uma razão para amar
Tristeza em mim, pela tortura
Pensas que em poesia tudo é escrita?
Mentira... Em poesia eu sinto o mundo
Porque trago, porque levo a quem acredita
Tristeza por não te ter... Uma dor onde me afundo
Pensas? Eu sei que pensas
Eu também pensava
Essas foram as grandes diferenças
De quem me olhava e eu já amava

José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.