Número total de visualizações de página

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Queria, mas não...


Queria, mas não…

Queria ser livre
Poder voar sobre o mar
Nadar nas ondas do prazer
Ter o vento como nunca tive
Poder rebolar na luz do luar
Voar no pôr-do-sol ao anoitecer
Queria correr sobre as areias
Sobre pedras e diamantes
Queria abraçar o mundo das sereias
Viajar pelas grutas como amantes
… Que vontade eu tenho
Que loucura a minha não ser
Porque fiz a jura que desdenho
Juntar amor sem apetecer
Queria ser livre para falar
Dizer de minha justiça
Falar em gritos de amar
O amor que me atiça
Erro o meu… Ficar fechado
Livre seria se o tempo fosse verdade
Hoje sou o tempo de prisão
Onde estás ó liberdade
Que me fazes viver da claridade,
de meu coração
Queria ser
Mas não sou
Queria ter
Mas o tempo calou
Um dia quem sabe se terei
Uma vida de paz e amor
Uma vida de rei
Uma flor

José Alberto Sá

1 comentário:

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.