Número total de visualizações de página

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Meu anjo eu sei...


Meu anjo eu sei…

O que te vou fazer
Imagina…
Levar-te ao mundo a derreter
Ou numa canoa rio acima
Quero que sonhes somente
Com a luz que de novo me iluminou
Que sonhes num mundo docemente
Num rio que connosco ficou
Lava incandescente do teu olhar
Calor imenso, do teu sorriso
Palavras doces, do teu sonhar
O sonho acordado a lava que preciso
O que te vou fazer
Imagina tu…
Levar-te sobre as nuvens e conhecer
Um amor belo, suave e cru
O meu apetecer
É isso que te vou fazer
Imagina com que voracidade
Poder te conhecer
E contigo andar em liberdade
Sonho e espero a vida inteira pelo momento
Amada, linda e perfumada amiga
Vejo-te nas águas do rio e no vento
Serás a semente, o anjo, na seara a espiga
É isso que te vou fazer
Imagina o amor que te desejo
Um dia
Um segundo
Um beijo
Alegria
Bem fundo
Numa vida que prevejo
Eu e tu
Corpos abraçados
Corpo doce, o teu… Nu
Em meus braços apaixonados
Um anjo que não me quis esquecer
Me vergo a esse louvor
É isso que te vou fazer
Dar-te todo o meu amor

José Alberto Sá

2 comentários:

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.