Número total de visualizações de página

quinta-feira, 14 de junho de 2012

Espero-te


Espero-te

Sacia-me
Desperta-me
Enriquece-me
Só tu completas continuamente
A minha alma
O meu caminho
És a semente
A calma
Que prospera
És a quimera
Sacia-me só um pouquinho
Desperta-me e sente
O passado não muda
Hoje o único momento
Sejas o sol de verão
De inverno a chuva
Para mim o vento
Importa-te
Não hesites
Ama-me intensamente
Beija-me
Se admites
Que sou gente
Ama
Pois... Nem a morte
Nem a sorte
Chama
Derrama-me em teus lábios
Ilumina-me com teu olhar
Seremos sábios
Sacia-me
Vem-me amar


José Alberto Sá

1 comentário:

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.