Número total de visualizações de página

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Quero voar


Quero Voar


Os olhos teus me querem falar

A tua boca me quer beber

Teus braços querem ser asas

Tuas mãos querem tocar

Teus dedos me querem ter

Ardo em teu corpo… Brasas

Quero voar em teus sentidos

Olhos com mil poemas

Boca com mil aromas

Braços com mil esquemas

Mãos com mil vontades

Tenho medo que me comas

Pela Íris de mil ansiedades

Quero voar em teus pedidos

Olhos teus sequiosos por mim

Boca seca à minha espera

Braços num abraço sem fim

Mãos suaves que tocam… Em esfera

Rodopiar sinuoso que sinto

Provocado pelo teu simples olhar

Revoltado na vontade do teu queixume

Exaltado pelo teu simples abocanhar

Uma boca aberta que humedece o fogo

Umas mãos que alimentam o lume

Uns olhos que ardem no jogo

Quero voar em teus gemidos

Olhos de um corpo perfumado

Boca de um corpo… Minha humidade

Braços de um corpo apaixonado

Mãos de um corpo… A minha vontade

Corpo nu sem maldade

Corpo da minha saudade

...

Quero voar...


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.