Número total de visualizações de página

terça-feira, 3 de abril de 2012

Namoro com o mar


Namoro com o mar


Apeteceu-me desabafar

Sentei-me olhando o mar

Chorei…

Queria sentir o vento

Em rajadas de ar perfumado

Aromas da maresia a todo o momento

Pedaços do meu olhar sufocado

Amei…

Disse ao mar da minha paixão

Falei…

Recebi da ondulação

Uma frescura sem lei

Senti as lágrimas caírem no meu regaço

E eu somente respirei…

Respirei o amor, por tudo que faço

Senti-me sozinho… Namorei

E abracei o brilho do sol na água fria

Água pura e cristalina

Batendo nos meus pés, pura magia

Chorei e desabafei

Por uma linda menina

Gritei…

Gritei ao mar para que me ouvisse

Ecos da minha garganta

Numa doce palavra soluçada

Palavra da minha meninice

Menina pura e santa

Minha amada

Adorei…

Sentir a tua presença no mar

Sentir o teu perfume no ar

Sentir a tua beleza no meu pensar

Desabafei… Num louco flutuar

Sentado na areia, quis registar

Sonhei com uma mulher

Senti-me um rei…

Ela é a vida em cada maré

Ela é a minha fé

Por isso chorei… E namorei com o mar


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.