Número total de visualizações de página

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Minha vida


Minha vida


Fiquei a saber o que é perder

Perder o sentido

Perder a vontade

Simplesmente não ter

Não ter mentido

Ter dito verdade

E não chegar

Já nada me faz sonhar

Saber o sentido da ausência

Perder as tuas palavras

Perder a consciência

Nada ter, na terra que lavras


Nada ter

Não ter colheita

Não ter cobertor em cama feita

Simplesmente sofrer

Hoje sento-me perdido

Hoje me perdi no tempo

Hoje meu coração está ferido

Hoje já nem sei

se o amanhã terá relento


Saber que o pecado, foi a maçã

Sem ter vivido no jardim

Perder o amor,

perder o amanhã

Perder sem saber

Simplesmente ter dor

Não posso crer

Até...

Linda onde me perdi

Musa onde me sentei

Diva a quem nunca menti

Menina que tanto amei


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.