Número total de visualizações de página

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Canto


Canto


Canto...música de noite e de dia

No canto...da minha sala de estar

Canto...como um pássaro, melodia

Nos encantos de minha voz, de mal cantar

Canto ou esquina, o meu encanto

Onde te oiço, menina a cantar

Cantas de xaile ou de manto

Meus poemas de amar

O canto de minha sala, tem segredos

O canto dos pássaros são tua voz

E eu me encanto,

no canto da minha sala, se estamos sós

Canta, tua garganta fervilha

Me encanta no canto ou na esquina

Eu me encanto com tua maravilha

A cantar no canto que é nossa sina

Tenho um canto menina

Tu tens um canto, belo e suave

Na sala o canto é armadilha

Onde me prendes como uma ave

Encantos, cantos, minha mania

Encantos e recantos...labirinto

Palavras de canto e poesia

Palavras que canto no meu canto

Da minha sala vazia


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.