Número total de visualizações de página

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Cores

Cores

Quantas cores, eu conheço
Quantos arco-íris tenho na mente
Os sonhos floridos de que padeço
Mil cores que me abraçam docemente

Quantas cores quentes me aquecem
Quantas cores frias me arrefecem
vermelhos berrantes
azuis triunfantes
verdes de esperança
misturas de cores, linda dança
o castanho da terra, amarelo do astro rei
o branco da neve, do algodão
De quantas cores já pintei e já amei
Na beleza do nosso coração

Cores  frias de tons incolores
Igual às cores do meu ciúme
Parecem  chuva pintando as flores
Flores de mil cores, meu perfume

Em lágrimas choro, lindos escorridos
Em tintas que enfeitam a minha alegria
Caiem nos jardins coloridos
Tons pastel que me elevam à luz do dia
Quantas cores me fazem ser feliz
Minha paleta de tons suaves
As cores que para mim fiz
que me fazem voar como aves

Lilás e violeta meu sonhar
Amarelo e laranja cores da acidez
Verde e azul as cores do mar
Cores do mundo, de quem as fez
As cores do meu olhar
As cores da minha vaidade
As cores do meu recitar
As cores da minha felicidade



José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.