Número total de visualizações de página

sexta-feira, 2 de junho de 2017

E eu... E tu... Somos...

E eu… E tu… Somos…

A minha inspiração deita-se sobre o misterioso corpo feminino!
Então… Organizo a mente.
Depois… Aspiro a vida.
Mais tarde… Sinto o meu enraizado.
É aí… Que o apetite se quer moldar.
Pois… A forma que mais se realça, já é a sólida.
A mais louca vontade que nasceu comigo e me fez assim.
Assim… Inspirado pelo mistério de corpos unidos.
O teu… É o que me consagra.
O meu… É quem te deseja.
A minha inspiração deita-se e levanta-se.
Sugiro que a vida seja para o qual nascemos.
E eu… E tu… Somos aqui o momento.
E só aqui… E nunca depois do vazio.
Então… Enche-te de amor e vive feliz.



José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.