Número total de visualizações de página

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Uma canção para mim

Uma canção para mim

E eu menino… Sou canção
E eu menino… Amo o perdão
Sendo menino… Sou uma mão
Que agarra perdidamente
Tão-somente… O coração
E eu menino… Sou simplesmente
Uma semente… À luz um grão

Sou menino… Que habita a terra
Sou menino… Que não quer guerra
Tão pouco sou… O que não quero
Sou menino… Do tempo austero
Que olha as horas com vontade
Somente pela verdade
Sou menino… Sou liberdade
Um ser… Que ama qualquer idade

E eu menino… Sou menino
Simplesmente
Tão-somente… Que pequenino
Sou um coração, que diz… Sou do destino
Sou canção… Sou perdão
Sou amor… Sou flor… Eu sou o hino
Uma mão… Menino na imensidão
… Do vosso chão…
Sou eu

José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.