Número total de visualizações de página

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Saudade dos teus cabelos

Saudades dos teus cabelos

Eu te peço: Solta os teus cabelos.
Sinto-os tão próximo do meu coração, o tempo se faz perfeito e eu somente quero… Quero imenso te sentir, mesmo que em ruínas, sentir novamente aquele amor que um dia foi nosso, que um dia sonhei e ainda sonho reconquistar…
Eu sonhei… Sonhos gloriosos, momentos únicos e inesquecíveis. E mesmo que em ruínas eu continuo tão próximo de ti, o tempo ainda se faz perfeito…

Então te peço: Solta os teus cabelos.
Sonhei que voava no perfume desse teu lindo cabelo, tão próximo que mesmo em ruínas eu o sinto macio em minhas mãos.
Tão próximo, que minha boca ainda sente a delicada e arrepiante orelha, sempre lembro quando te sussurrava: Meu amor preciso de ti… Ama-me…

Então te peço: Solta os teus cabelos.
Ainda sinto os idílios amorosos, o odor que se desprende do teu pescoço, que incrível poder tens tu sobre mim!
Sonhei e ainda sonho, que um dia… Um dia que seja próximo da realidade do meu querer…
Te darei tempo, o tempo que se faz perfeito e tudo será claro em teu olhos.
Sorrirás para mim… Serei teu colo, tão próximo que sentirás o bater do meu coração.

Então te peço: Solta os teus cabelos.
E volta para mim… Mesmo que em ruínas… Hoje é assim que me sinto… E tu?
Vem… Ama-me… O tempo é perfeito e tão próximo como a nudez do amor… Solta os teus cabelos e corre pelo tempo perfeito… Sou teu.


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.