Número total de visualizações de página

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Ventos da minha luz

Ventos da minha luz

Se eu caminho nu de gravata é porque o encontro é de gala…
Eu serei a quimera dos teus seios, onde a ilusão que me mostras é o avental que somente trazes…


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.