Número total de visualizações de página

segunda-feira, 5 de maio de 2014

Esse mundo que te encontra...

Esse mundo que te encontra…

Se o mundo vai por aí… Te vai encontrar e eu fico feliz
Esse mundo é quem diz… Esse mundo que vai… Que vai por aí
Tão feliz por te encontrar
… E no encontro da luz, serei o sol e tu a lua…
Esse mundo que encontra, a razão do meu querer…
E se tudo acontecer…
Será nua… Que o mundo te vai encontrar…
Nua como eu neste meu mundo… Da mesma cor…
No mesmo céu… Igual ao meu olhar…
E aí serei sol… Serás lua…
Serás areia… Eu serei mar

E se o mundo vai por aí… Te vai encontrar…
Nas redondezas dos astros, que semeei ao luar
… Esse mundo é quem diz… Esse mundo que vai…
Que vai por aí…
Um mundo que abraça, igual mundo, não tem quem faça…
Ser a razão de existir

Sou a vontade do mundo… Por entre giestas de amor…
Por entre giestas de paixão.
Esse mundo, que é mundo em meu coração…
Esse mundo de astros e terra comovente, igual ao mar…
Esse mundo que abraça… Esse mundo que me ama…
Como sempre… Como sempre no mundo te quero amar

E se o mundo vai por aí… Te vai encontrar…
Te trará até mim, para que fiques comigo.
E no encontro da luz, serei terra, serás natureza…
A flor na minha certeza… Nesse mundo…
Que é mundo para voar…
Esse mundo onde vivo, como num sonho celestial…
Onde o sonho é real… E o real é imaginar…


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.