Número total de visualizações de página

domingo, 19 de janeiro de 2014

Terra minha... Minha terra

Terra minha… Minha terra

Sou filho da terra, filho de Altos Céus
Sou rosmaninho de olhos de luz
Sou pecador de pecados meus
Homem menino da terra que me conduz
Sou eu…
Sou a vertente, num prisma boleado
Sou a aresta da terra que abraça o mar
Sou o perfil de canto aprumado
Homem menino da terra e do ar
Sou eu…
Sou a noite, o dia, a lua e o sol
Sou a estrela, a luz e o calor
Sou melodia, sou poesia em cantos de rouxinol
Homem menino da terra e do amor
Sou eu…
Sou eu para vós, se vierdes até mim
Sou a paz, o carinho a minha mão
Sou flor, sou a cor que dareis ao meu jardim
Homem menino da terra e do coração
Sou eu…
Sou homem, pela verdade e pela paz
Sou poema, sou canção e sou menino
Sou brinquedo, sou garoto e sou rapaz
Homem menino da terra de Espinho
Sou eu…
Sou a linha com letras, com palavras
Sou tinta preta na folha cor da cal
Sou humilde, com a esperança que te abras
Terra deste homem… Portugal
Sou eu…


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.