Número total de visualizações de página

sábado, 6 de abril de 2013

Minha terra, teu céu


Minha terra, teu céu

Aquela nuvem...
Aquela nuvem que me espreita
Fez-me pensar
Fez-me sonhar
Por ser tão perfeita

Aquela nuvem que passava
Parecia que me olhava
Atrás de si
Reluzia um sol, uma luz intensa
Lembrei-me de ti
Da tua presença

Aquela nuvem... Tão branquinha
Passava devagar
Parecia me chamar
Desejei que fosse minha
Tu... Tu estavas nela
Naquela nuvem que passou
E no horizonte do meu mar
Ela se abraçou a uma caravela
E ambas o vento as levou

Aquela nuvem tão branquinha
Um dia voltará a ser minha
Existe em mim um céu que a espera
Existe em mim um mar de azul turquesa
Existe em mim um sonho que desespera
Nuvem do céu, na terra certeza

José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.