Número total de visualizações de página

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Ainda não...


Ainda não…

Ainda não te disse
Que se tomo café, és o aroma
Um dia te direi
Que quando bebo água cristalina
És pureza que à beleza se soma

Eu… Ainda não te disse
Que se toco numa flor, és o seu perfume
Menina…
Meu elixir
Meu existir
Para que um dia te diga
De gemidos meus, num brando queixume

Ainda não te disse
Mas te amo
Já dei a volta ao mundo
Contigo
E sempre me seguiste
Já sonhei com todas as realidades
Contigo
E sempre conseguiste
Ultrapassar…
Sem que te falasse das mil verdades
Verdades de amar
Sonhos de meninice
Estar comigo
Que ainda não te disse
A cima e abaixo do umbigo

José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.