Número total de visualizações de página

sexta-feira, 23 de março de 2012

Até o sol...


Até o sol…


Nada mais vou pedir…

Já sinto o vento passar

Na sua passagem… O meu levitar

Nada mais além do sorrir

Uma aragem… vinda no ar

Nada mais pedirei…

Já sinto o perfume… hálito doce

Já nada mais… Por mais belo que fosse

Eu amarei…

Já tenho tudo… Que feliz eu sou

Nada mais… Até o sol me conquistou

Já sinto o abraço… E é tudo

… Tudo que sou…

Já nada mais interessa…

Já nem tenho pressa

De ver o vento passar

Já tenho tudo… A terra, a serra… O mar

Já nem a lua está sozinha

Já nem o rio passa a correr

Nada mais quero… Somente uma florzinha

Pura, bela, única… O meu ser

Já nada mais… Sentido profundo

Já tenho tudo… Naquela Flor

Tenho nela o meu mundo

Já tenho tudo…

Porque tudo… É amor


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.