Número total de visualizações de página

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Imaginação


Imaginação


À beira-mar

Teus cabelos esvoaçaram

Era noite de luar

As estrelas te iluminavam

Teu corpo me fez pensar

Pensamentos alucinantes

Romances de lua e mar

Essências de dois amantes.

Tua magia a transparência

Corrias sobre a areia perfumada

Tocaste-me, que coincidência

Me sorriste…apaixonada

Senti a tua pele nua, na minha

Trocamos olhares, senti teu odor

Fizemos trapézio na mesma linha

No equilíbrio do nosso amor.

Larguei uma lágrima, inesperadamente

Sentimento de saudade

Um vazio profundo, comovente

Do abraço que não demos de verdade

Do beijo que não demos, pela distância

Daquele mar, da menina esguia

Daquele desejo, minha ganância

Da minha vontade, do amor que queria.

Na luz do luar te vi correr

Na luz daquela noite, te desejei

Não eras tu! Somente te imaginei

E sozinho fiquei a saber

Que mesmo assim te amei…


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.