Número total de visualizações de página

domingo, 22 de maio de 2011

Um segundo

Um segundo


Um segundo,
sim, um segundo apenas, e...
tudo mudou
um segundo apenas, e...
o mundo parou,
novamente no mar, sentir o ar doce
como que à janela
o ar voltou, o cheiro a canela
cheiro do mar
olhei o horizonte, fixei a linha
que lindo é o mar
pensei que não fosse
pensei que não vinha,
molhei os pés, novamente
espuma macia, de cor lilás
vieste, eu aqui estou
e em pele de galinha sorri,
de contente
sorri porque o mar
regressou,
Olá mar! Quero-te
Olá mar! Desejo-te
Olá mar, Amo-te
olha para mim
e
vê quem sou!



José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.