Número total de visualizações de página

domingo, 3 de abril de 2016

Uma carta...

Uma carta…

Uma carta... 
Escrita no pulsar do meu coração
Feita de papel da minha alma
Com tinta de sangue e emoção
Uma carta…
Feita de papel de palma
Escrita com vida
Com amor
Pequena na vontade pedida
Endereçada a uma flor
Uma carta…
Que tanto te quer dizer
Desejos ardentes, vontades tais…
Que perante os meus olhos
e a luz do meu ser
Escrevo com tinta do sangue,
nos sonhos contigo e muito mais

José Alberto Sá


Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.