Número total de visualizações de página

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Nas tuas asas

Nas tuas asas

Vem sentir-te,
maravilhosa
Abre as asas em tons de rosa…
E abraça-me

Não darás por mim
Serei acolhido em teu amor…
E direi que sim

Serei o faminto das tuas asas
Abraça-me…
Serei incenso perfumado
Aromaticamente queimado e abraçado…
No calor das tuas brasas

Vem sentir-te,
sobre o meu peito
Sentirás nas tuas asas o amor perfeito
E saberás distinguir
Nas asas do teu sorrir
O olhar azul,
que dorme junto do teu peito

Não darás por mim
Serei em teu colo,
o menino de amor
Serei a leveza em lábios carmim
E nas tuas asas abraçado, direi de cor
A canção do teu sentir

Vem sentir-te
Abre as asas e deixa-me diluir
Possuir-te



José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.