Número total de visualizações de página

domingo, 27 de outubro de 2013

Assim te vejo

Assim te vejo

Tu… Não és a estrela, somente porque brilhas
Tu… Não és o perfume, somente porque és flor
És uma luz que reflecte maravilhas
E porque brilhas… Tu és amor

Meus braços abertos te esperam

Tu… Não és a essência, somente porque sorris
Tu… Não és a candura, somente porque me lês
És uma beldade, que tudo ao meu coração diz
E porque me falas, sou teu em tudo que vês

Meus braços abertos desesperam

Tu… Não és a paixão, somente porque te amo
Tu… Não és a loucura, somente porque te desejo
És a humidade que desliza sem qualquer engano
E porque és pura, és a doçura de um doce beijo

Meus braços abertos se comprometeram

Tu… Não és a mulher, somente porque és linda
Tu… Não és a luz, somente porque és o luar
És na verdade tudo que quero e mais ainda
E porque és tudo, eu sou tudo para te levar

Meus braços abertos em ti se envolveram

Meus braços abertos são os olhos do meu carinho
Meus braços abertos são abraços em ti querida
São quem te deseja mais um pouquinho
E abertos recebem a luz, que me chega de ti… Minha vida



José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.