Número total de visualizações de página

sexta-feira, 24 de maio de 2013

A ARTE


A ARTE

Quis eu imitar a arte natura
Então imaginei
As minhas mãos no violino
Curvas tacteadas a toda a largura
Acordes de dedos que ao som deslizei
Na voz muda dos gemidos, o meu hino

Quis eu imitar a arte erótica
Então imaginei
Meu olhar pela fruta madura
Luz hipnótica
Que pelos acordes que dei
Num violino frutado pela candura

Quis eu imitar a arte do amor
Então imaginei
Um corpo nu vestido de sol
Violino extasiado pelo calor
Embebido no suco da fruta que roubei
Num acto de loucura em claves de sol


José Alberto Sá

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.